Sistema de Manutenção Inteligente – Saiba o que posso fazer por você

Outrora, nos longínquos tempos do início da Revolução Industrial, o Homem foi apresentado às máquinas, engenhocas que facilitavam e aterrorizavam a vida de camponeses e pessoas pouco ou nada instruídas.

Hoje, o mundo das máquinas já não é uma novidade. Ainda assustam pela sua alta produtividade em comparação aos humanos, mas, as máquinas tem sérias dificuldade de comunicação.

Então, aqui estou eu, dotado de uma rede de sensores fabricados por meus parceiros, estou aqui para transformar a linguagem das máquinas em ações concretas no mundo dos Humanos, transformando dados em conhecimento e ações.

E quem se beneficiará disso?

Você que mantem essas máquinas aterrorizantes em operação!

Tenha uma visão geral de como funciona esse Sistema de Manutenção Inteligente no diagrama abaixo

Entradas: No lado esquerdo estão representadas as entradas, quem ou o que pode gerar informação para que eu possa agir. Pode ser de uma máquina, de um humano como você ou vindo de outros sistemas;

Processamento: Aqui entro eu e minha modéstia! Combino as informações provenientes das entradas, com uma série de outros dados para gerar resultado.

Saídas: No lado direito temos os resultados possíveis de meus Processamentos, que podem ser relatórios, informações georreferenciadas, workflow de processos, etc.

Vejamos na prática como funcionaria:

  1. Um dos sensores, conectados as minhas Redes de Comunicação (LPWA, 3G/4G, LTE, etc.) envia uma sinalização que atingiu a carga horária para manutenção;
  2. Ao receber esta notificação, identifico o protocolo de atendimento pré-programado e tomo minhas ações;
    1. Localizo através de minha Rede de Profissionais, qual o técnico adequadamente capacitado está mais próximo ao local e com a menor carga de trabalho;
    2. Seleciono o protocolo de atendimento adequado;
    3. Abro uma Ordem de Serviços (OS) através de minha funcionalidade de FSM (Field Service Management);
    4. Sinalizo no Mapa e em um Painel a abertura da OS;
    5. Encaminho para abertura de Ordem de Serviço em nosso App;
    6. Sinalizo ao supervisor e seu técnico, via e-mail e notificação no App respectivamente;
  3. Dai em diante mantenho o acompanhamento. Assim que tudo estiver sido completado, sinalizo no painel de OS, sinalizo ao supervisor e preparo o relatório para ser enviado ao cliente final.

Desta forma, acompanho todo o ciclo de ações de forma automatizada.

Quais os ganhos que posso gerar? Isso é assunto para uma outra conversa.

Obrigado.

Let machines talk”